PhotobucketPhotobucketPhotobucketPhotobucket DES-ENCANTOS .................... blogo de notas: em dia de eleições

23 de janeiro de 2011

em dia de eleições

Foi captada ontem embora não pareça:na Mata dos Medos. Forte ironia. A luz e os medos. A luz que os portugueses continuam a não ver, persistindo por caminhos sinuosos, sem saber e pressentir onde querem chegar...Chamo-lhe medo da 'mudança'.

3 Comentários:

Blogger Valéria Gomes disse...

Somos imperfeitos, temos medo mas, nada detêm o novo.

Beijos de passarinho!!!

2:21 da manhã  
Blogger AFRICA EM POESIA disse...

Deixo um pouco da minha Ria...

RIA

Ria de Aveiro

Tão pouco te tenho cantado

Tão pouco te tenho escrito

E tu Ria...

Cheia de beleza

Cheia de canais

Com águas azuis e belas

Vais esperando que te cante

Que fale ao mundo

Da tua beleza sem fim

Dos teus barcos moliceiros

Coloridos e acolhedores

Do teu Rossio...

Da tua gente...

E da tua beleza...

Linda Ria de Aveiro.


LILI LARANJo

12:37 da manhã  
Blogger António disse...

É possível que a luz assuste, por tornar as sombras mais perceptíveis, e cegue, pela força que atinge. Os portugueses assustam-se e têm medo de ficar cegos. Se ao menos fechasem os olhos, sonhassem e voltassem a abri-los... Alguma vez será.
No "Público" de 10.2.11, pág.3 do suplemento P2 aparece este pensamento de Meryl Streep: "O que eu penso sobre os medos é que a partir do momento em que os verbalizamos eles podem tornar-se reais." É bem possível que a "mudança", uma vez nomeada... Um abraço do
António

11:19 da tarde  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial


MusicPlaylist
Music Playlist at MixPod.com